Submarino não tripulado captura imagens de água-viva fantástica nas Fossas das Marianas
15 de maio de 2016 – 08:23 | Comente!

Parece um alienígena de filmes de ficção, mas é mais uma das descobertas do NOAA a bordo do navio Okeanos Explorer, controlando um submarino não-tripulado nas Fossa das Marianas.
A água-viva apareceu de repente na frente …

Leia a matéria completa »
Destaques

Matérias e montagens com destaques exibidas no Aqualize serão divulgadas através desta categoria. Vote nas matérias para que possamos destacá-las!

Fauna

Fichas, catalogação, descobertas, tudo relacionado a Fauna Aquática é listado aqui.

Flora

Fichas, catalogação, descobertas, tudo relacionado a Flora é listado aqui.

Marinhos

Aquários de água salgada, peixes, corais, invertebrados, encontre tudo que você precisa ler.

Plantados

Montagens de aquários plantados e a luta contra as algas. Verifique se você está fazendo tudo certinho para não ter problemas.

Home » Notícias

Para alguns Ciclídeos Africanos, a segurança é mais importante que o sexo!

Publicado por @ 29 de janeiro de 2010 – 11:20Comente!

Para alguns Ciclídeos Africanos, a segurança é mais importante que o sexo!

Um estudo publicado no jornal Biology Letters pelo pesquisador Alex Jordan da Universidade de Nova Gales do Sul na Austrália, sugere que algumas espécies de Ciclídeos Africanos preferem servir como ajudantes dentro de uma pequena colônia favorecendo um casal reprodutor do que se arriscarem a disputar ou constituir uma nova unidade hierárquica onde ele seria a base reprodutiva e mantenedora da espécie.

Alex Jordan focou sua pesquisa na espécie nativa do Lago Tanganyika, Neolamprologus pulcher, por identificar mais claramente esse comportamento de “ajudantes” e “procriadores”. Dentro da espécie e suas colônias, Jordan constatou que cada par de reprodutores conta com a ajuda de dois a sete peixes que assumem funções de defesa territorial, limpeza do ninho e cuidado com os ovos postos. Ele constatou também que esses ajudantes não irão procriar até que uma vaga na posição de procriador esteja disponível através da morte do atual encarregado.

Neolamprologus pulcher


Pesquisas genéticas anteriores comprovaram que os indivíduos dentro dos grupos carregam genes diferentes, sendo assim é comprovado que as crias saem do cuidado do grupo quando atingem certa idade, assumindo as posições em outros grupos sem arriscar-se a formar novas colônias.

Outra espécie que parece repetir o mesmo comportamento são os Neolamprologus multifasciatus, que estabelecem uma colônia regida hierarquicamente pelo casal reprodutor, deixando aos outros funções de readequação de território, defesa e cuidados com os alevinos.

Neolamprologus multifasciatus

Para maiores informações: http://rsbl.royalsocietypublishing.org/


Avalie essa notícia:
1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (Sem avaliações)
Loading...

Notícias Relacionadas:



Comente utilizando o Facebook:

Deixe o seu comentário!

Adicione o seu comentário abaixo, ou o trackback para o seu site. Você também pode assinar os comentários via RSS.

Seja educado. Se mantenha no tópico. Não seja um Troll.

Você pode usar essas tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Registre seu Gravatar. Para ter seu Gravatar, se registre na página oficial do Gravatar blog.